Vereador renuncia ao cargo na Guarda

0
209

O ex-presidente da Federação Distrital do Partido Socialista da Guarda, Pedro Fonseca, renunciou ontem, segunda-feira, 22, ao cargo de vereador na Câmara local de “consciência tranquila e de cabeça erguida”.

Pedro Fonseca demitiu-se na quarta-feira do cargo de líder distrital do PS por a proposta da distrital de candidatos às eleições legislativas ter sido chumbada pela Comissão Política Distrital e, ontem, na reunião quinzenal da Câmara Municipal da Guarda, presidida por Carlos Chaves Monteiro (PSD), renunciou ao cargo de vereador.

“Tenho a noção de que o meu desempenho não foi perfeito e de que outros teriam desempenhado o mandato bem melhor do que eu, mas julgo que, mesmo assim, mereço sair de consciência tranquila e de cabeça erguida”, disse o vereador demissionário na reunião do executivo, quando apresentou a renúncia do mandato autárquico.

Pedro Fonseca disse ainda que “foi uma honra e um privilégio” ter desempenhado as funções de eleito socialista na maior autarquia do distrito da Guarda.

Deixe um comentário