Região Centro tem 60 milhões para bolsas de doutoramento

Governantes estiveram na Covilhã a procurar sensibilizar a academia para a investigação ter em consideração as necessidades da sociedade
0
316

A região Centro tem disponíveis 60 milhões de euros para programas de doutoramento e pós-doutoramento, que o Governo deseja serem desenvolvidos de acordo com as necessidades das empresas e da comunidade. O anúncio da abertura do aviso dos concursos, abertos até 30 de Setembro, foi feito na manhã da última sexta-feira, 12, na Universidade da Beira Interior (UBI), pelo ministro do Planeamento, Nelson Souza.

Os programas financiados por fundos europeus, no âmbito do Portugal 2020, destinam-se a todos os tipos de doutoramento e pós-doutoramento, em todas as áreas, mas o Governo chama a atenção para a importância destes projectos estarem articulados com o tecido económico, tendo em conta a transferência do conhecimento produzido para a sociedade e não se fecharem na academia.

Na visita à Covilhã, Nelson Souza apresentou um pacote financeiro de 160 milhões de euros para as “regiões de convergência”, Norte, Centro e Alentejo, sendo que a Fundação para a Ciência e a Tecnologia irá disponibilizar receitas para as restantes regiões do país. “Ao todo vai estar a concurso um montante muito significativo, diria mesmo que se trata de uma das mais significativas iniciativas em termos de volume financeiro”, realçou o ministro.

Segundo João Sobrinho Teixeira, secretário de Estado da Ciência e Ensino Superior, o número de bolsas a atribuir nesta legislatura vai duplicar, passando das 957 atribuídas em 2015 para 1.900 novas bolsas, cujos projectos têm de estar concluídos até 2023.

“É esta procura da transferência de conhecimento para satisfação das populações que nos tem levado para este caminho de convergência”, acentuou Nelson Souza, segundo o qual “hoje em dia não é possível crescer sem recursos humanos qualificados”. “Não é possível crescer sem transferir conhecimento para as actividades económicas”, acrescentou.

 

(Notícia completa na edição papel)

Deixe um comentário

Mais Notícias