Queijo e Carnaval em roteiro beirão que está por criar

Este fim-de-semana é marcado por diversos certames em que o Queijo Serra da Estrela é rei
0
230

A Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIM) poderá, no próximo ano, criar um roteiro, com datas definidas em cada concelho, para as festividades de Carnaval, e da temática do Queijo da Serra, que é inexistente, mas que faz falta. A revelação foi deixada há semanas atrás pelo presidente da Câmara de Manteigas, Esmeraldo Carvalhinho.

Apesar de considerar que há espaço “para todos” e todas as realizações, já que considera que os turistas na Serra, nesta altura do ano, acabam por passar por várias feiras, o autarca diz que seria vantajoso haver um calendário integrado das diversas iniciativas. “Acho que já existe um organismo (CIM) que está a preparar isso. Para o próximo ano penso que já haverá um calendário definido” revela o autarca.

O ciclo anual de feiras do queijo de ovelha produzido na região da Serra da Estrela já se iniciou em Penalva do Castelo e prolonga-se até 21 de Março, quando decorre o último certame em Fornos de Algodres. No próximo fim-de-semana, Seia, Gouveia e Manteigas são sugestões de certames associados a essa temática.

Em Seia, entre sábado, 22, e terça-feira, 25, decorre a 43ª Feira do Queijo de Seia, uma festa “dedicada à ampla promoção do queijo e dos produtos endógenos do concelho (pão, vinho, enchidos, azeite e mel)”, que vai ter lugar, à semelhança dos anos anteriores, no Mercado Municipal e na área envolvente. No dia 23, domingo, é a vez de Gouveia promover a Feira do Queijo Serra da Estrela, a partir das 10:00, no Mercado Municipal Provisório (pavilhão da ex-Bellino & Bellino), com a participação de cerca de 30 produtores. A autarquia refere tratar-se de um evento “onde os pastores, as queijarias e os produtores de queijo são as principais figuras de cartaz”. Também este fim-de-semana a vila de Manteigas, que recebe a 27.ª edição da Expoestrela (artesanato, animação, comércio, indústria, serviços e gastronomia), que dedica o último dia ao queijo, com a realização de uma prova.

Em Celorico da Beira a festa está aprazada para o fim-de-semana seguinte. O município realiza a 41.º edição da Feira do Queijo, nos dias 28 e 29 de Fevereiro e 1 de Março, com animação, artesanato, gastronomia e concertos. “A Feira do Queijo, maior evento promovido pelo município de Celorico da Beira, tem procurado adaptar-se ao longo destas mais de quatro décadas às exigências da sociedade, apostando na inovação, na modernização e na sensibilização ambiental e, neste sentido, [a autarquia] criou um ‘Business Point’, espaço de informação privilegiado na feira para fomentar contactos e relações de negócios”, segundo a entidade organizadora.

Nos dias 28 e 29 de Fevereiro e 1, 7 e 8 de março, o município de Trancoso e a Aenebeira – Associação Empresarial do Nordeste da Beira, promovem o queijo durante a realização de mais uma edição da Feira do Fumeiro, dos Sabores e Artesanato do Nordeste da Beira. Também no dia 1 de Março a aldeia de Mosteiro, no concelho de Aguiar da Beira, é palco de mais uma Festa do Pastor e do Queijo.

Nos dias 7 e 8 de Março, o queijo Serra da Estrela será celebrado em Tábua, no distrito de Coimbra. Na semana seguinte, nos dias 14 e 15, é a vez da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, também no distrito de Coimbra, promover a sua Festa do Queijo Serra da Estrela. O ciclo de 2020 das feiras do queijo termina em Fornos de Algodres, no distrito da Guarda, nos dias 20, 21 e 22 de Março, com a realização da feira anual no recinto do Mercado Municipal.

A região demarcada de produção do queijo Serra da Estrela abrange os municípios de Carregal do Sal, Celorico da Beira, Fornos de Algodres, Gouveia, Mangualde, Manteigas, Nelas, Oliveira do Hospital, Penalva do Castelo, Seia, Aguiar da Beira, Arganil, Covilhã, Guarda, Tábua, Tondela, Trancoso e Viseu, nos distritos de Guarda, Viseu e Coimbra.

Deixe um comentário