Piscinas públicas no concelho não abrem

Autarquia vai pedir “às autoridades” que passem pelos rios e ribeiras, zonas não vigiadas onde as pessoas se podem vir a concentrar, a sensibilizar para “a importância de manter o distanciamento”
0
110

Durante este Verão as piscinas públicas vão estar encerradas, para evitar a propagação da covid-19. Tanto a piscina-praia, sob a tutela da Câmara da Covilhã, como as estruturas da Erada, Tortosendo, Ferro, Aldeia do Souto, Vales do Rio, Barco e Teixoso, da responsabilidade das juntas de freguesia, enumerou o presidente do município, Vítor Pereira.

No caso do Teixoso, a Junta de Freguesia tencionava abrir o espaço em 1 de Julho, com restrições, como a redução da lotação e a impossibilidade de utilizar os balneários, mas a Comissão Municipal de Protecção Civil emitiu parecer negativo ao funcionamento da piscina, após uma visita técnica feita às instalações, dia 17.

Segundo Vítor Pereira a medida “é definitiva” e deve-se à “impossibilidade de as piscinas poderem funcionar com o distanciamento físico e segurança”. “Na prática é muito difícil encontrar o espaço suficiente para que as pessoas mantenham esse distanciamento e dessa forma evitem o contágio”, acrescenta o presidente, referindo-se à pandemia do novo coronavírus.

 

(Mais informação na edição impressa do NC).

Deixe um comentário