“Os cidadãos do Interior ficam a ganhar”

Autarca diz que "coligada ou sozinha", a direita "levou um tombo"
0
115

No rescaldo dos resultados das eleições legislativas do passado domingo, em declarações ao NC, o presidente da Câmara da Covilhã, Vítor Pereira, regozija-se com uma vitória “clara, inequívoca, bem expressa” nas urnas, por parte do PS, reconhecendo o que está a ser feito “pelo Governo de Portugal”, mas também, “embora nem sempre se possa tirar essa ilação”, pelo que “o PS tem feito a nível local” foi “reconhecido pela população”.

O autarca covilhanense lembra que “subimos muito na votação” e que a recondução de António Costa como primeiro-ministro “é uma boa notícia para o País”. Foi ele que “restituiu alguns direitos perdidos”, ajudou “na criação de emprego” num Portugal que hoje é visto “como cumpridor” nas instâncias internacionais.

Vítor Pereira diz que na Covilhã, tal como no País, “coligada ou sozinha, a direita levou um tombo” e que um governo do partido socialista é positivo para a região. “Sempre que o PS foi Governo o Interior e a Covilhã ficaram a ganhar. Lembre-se a Faculdade de Medicina, a criação da secretaria de Valorização do Interior, o retomar das obras da Linha da Beira Baixa, ou há bem pouco tempo, aqui, a criação do Centro de Inovação em Turismo. São todos exemplos de aposta no Interior. Pode-se dizer que é preciso mais. E eu concordo. Mas os passos estão a ser dados e os sinais são inequívocos. Os cidadãos do Interior ficam a ganhar” assegura.

Deixe um comentário