Hospitalidade: uma virtude na unidade dos cristãos

Entre 18 e 25 de Janeiro, a Igreja celebra a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos
0
145

“A hospitalidade é uma virtude muito necessária na busca da unidade desejada pelo próprio Cristo.” É esta a mensagem deixada pelo Bispo da Guarda, D. Manuel Felício, para a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos, que decorre entre 18 e 25 de Janeiro.

Segundo D. Manuel, o texto bíblico que inspira esta semana é tirado do Livro dos Atos dos Apóstolos e lembra “aquela passagem em que Paulo, prisioneiro a caminho de Roma onde seria martirizado, aportou às costas da ilha de Malta e foi bem recebido pelas autoridades e pelas populações locais. E teve a expressão que foi escolhida para título do livro de apoio às celebrações desta semana, a saber, “Trataram-nos com uma amabilidade fora do comum” (Atos, 28,2).

Para o Bispo da Guarda, o caminho do diálogo ecuménico, ontem como hoje, “tem de levar sempre a marca do acolhimento mútuo e, quanto possível, que surpreenda pelas boas relações, apesar dos muitos preconceitos que possam existir de qualquer das partes.” D. Manuel recorda que este texto de apoio à Semana da Unidade foi preparado “por cristãos de diferentes confissões da ilha de Malta, pelo que não surpreende a escolha do lugar bíblico que o inspira. E nele se procura fazer passar a mensagem de que a hospitalidade é uma virtude muito necessária na busca da unidade desejada pelo próprio Cristo.”

Neste livro que apoia as celebrações da Semana da Unidade do corrente ano, como já tem sido habitual em edições anteriores, “há uma explicação inicial do porquê da escolha desta passagem bíblica, depois uma proposta de celebração ecuménica adaptável a situações variadas e também uma reflexão para cada um dos oito dias da semana, com base em texto bíblico apropriado. Estas reflexões para cada um dos oito dias cabem muito bem nas celebrações regulares das nossas comunidades, Eucarísticas e outras” frisa D. Manuel.

O livro encontra-se à venda na Veritas (Guarda), na Paz de Espírito (Seia) e na Paulus (Fundão).

Deixe um comentário