Autarquia aumenta valor para concessão do Sistema de Mobilidade

Objectivo é atrair mais interessados
0
255

A Câmara Municipal da Covilhã aprovou por maioria, com a abstenção dos dois vereadores da oposição, alargar o prazo para o concurso de concessão do Sistema de Mobilidade do concelho e aumentar o valor base, de oito milhões para 9,2 milhões de euros por dez anos de contrato, 1,2 milhões acima do inicialmente previsto.

A decisão foi tomada na reunião privada de sexta-feira, 6, em que os vereadores da oposição participaram por videoconferência.

A intenção é tornar o concurso “mais apetecível”, numa altura em que “por este país fora ficaram desertos muitos concursos semelhantes aos nossos”, salienta o presidente do município, Vítor Pereira. “Ajustámos às condições de mercado”, sublinha o autarca, que frisa manterem-se todos os pressupostos do caderno de encargos e apenas de ter alterado o valor.

A proposta aprovada prevê que nos primeiros dois anos de contrato o concessionário do sistema de mobilidade da Covilhã receba do município um milhão de euros e nos restantes oito anos a verba a transferir seja de nove milhões de euros, totalizando um valor global de 9,2 milhões de euros no final dos dez anos.

Os valores dos dois primeiros anos de contrato foram definidos a pensar no actual contexto de pandemia, nos cenários de “incerteza” e Vítor Pereira sublinha a menor procura dos transportes públicos.

(Notícia completa na edição papel)

Deixe um comentário