Arciprestado suspende missas da tarde

Aos sábados e domingos, face ao estado de emergência
0
275

Motivados pelas medidas de execução do Estado de Emergência, que o Conselho de Ministros Extraordinário aprovou no passado sábado, 7, com início na passada segunda-feira, 9, e até ao dia 23, onde se inclui a proibição de circulação em espaços e vias públicas em 121 concelhos, entre os quais o da Covilhã, particularmente no que se refere à proibição de circulação no fim-de-semana, entre 13 às 5 horas, os párocos do Arciprestado Covilhã – Belmonte decidiram suspender as missas vespertinas de sábado e as da tarde de domingo.

O Secretariado Geral da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) afirmou que a proibição circulação na via pública é “compreensível”, causa “muitas dificuldades” às actividades eclesiais. No entanto, em colaboração com as autoridades civis os sacerdotes do Arciprestado consideraram ser “um sinal para todos este sacrifício extra, com fim a um bem maior é o de controlar a propagação da pandemia”.

Alguns sacerdotes irão celebrar as missas dominicais na manhã de sábado, sobretudo para as comunidades onde lhes seja impossível fazê-lo no domingo. E todos fazem o apelo a que “os cristãos do arciprestado procurem encontrar no domingo de manhã uma celebração para poderem viver a sua fé”.

Deixe um comentário