Director Luís Freire | Fundado em 1913 | Assinatura | Contactos | Publicidade | Ficha Técnica
Entrar | Registe-se | Ajuda
Banner Topo Direita
O semanário mais antigo
do Distrito de Castelo Branco
tempo 26 ºC
Covilhã
Quinta-Feira, 23 de Maio
|
|
|
|
|
|
Subscrever RSS Feed RSS Feed
Onde estou? » Homepage

Nova operação de substituição de dívida na Câmara

2019-05-15
 


 
Valor do empréstimo, a pagar em dez anos, é de 3,6 milhões de euros

 

A Câmara da Covilhã conta, “até ao Outono”, ter concluída uma nova operação de substituição de dívida, desta vez para saldar uma parcela antiga à EDP e o empréstimo de 2012 relativo ao Programa de Apoio à Economia Local (PAEL). A autorização para a consulta às instituições bancárias foi aprovada na reunião privada da última sexta-feira, 10, com a abstenção de Paulo Rosa (DNC) e o voto contra de Maria José Madeira (CDS).

 

O valor global é de 3,6 milhões de euros, a pagar em dez anos, sendo que cerca de dois milhões se destinam a liquidar a quantia em falta à EDP, que remonta aos anos 70, e 1,5 milhões para pagar o empréstimo contraído em 2012, no âmbito do PAEL.

 

Segundo Vítor Pereira, presidente do município, em virtude da antecipação do pagamento acordado com a EDP, foi negociada uma redução de 40% do valor da prestação final, revista em 200, pelo que a autarquia tinha a pagar 3,1 milhões de euros e foi acordado 2 milhões e 78 mil euros, o que representa “uma poupança” para os cofres da autarquia no valor de 1 milhão e 17 mil euros, salienta o edil.

 

O presidente da autarquia explica que a operação não comporta qualquer acréscimo de encargos, pelo contrário. Significa a procura de juros mais baixos, reduzindo o serviço da dívida, “retirar mais uma carga que a câmara tinha”, aumentando a folga na tesouraria e “a saída do plano de ajustamento” do PAEL, depois de serem pagos os correspondentes 1 milhão, 524 mil euros.

 

“Estamos a libertar a câmara de peias, de teias e de amarras para que possamos trabalhar com mais tranquilidade, com mais recursos financeiros, com mais serenidade e a pensar no futuro da autarquia e dos covilhanenses”, salienta Vítor Pereira.

 

(Notícia completa na edição papel)

 
Ana Ribeiro Rodrigues
 
Tags:
Classificar artigo: 
   
 
Comente Comente     Imprimir Imprimir     Enviar artigo Enviar artigo
Para comentar esta notícia tem de ser um utilizador registado
Entrar ι Registe-se
!!SQL|3|open|select nome, email from REGISTO where id='@@CS|usrid@@'!! !!SQL|3|close!!
O Seu Nome:
O Seu E-mail:
O Nome do Amigo:
O E-mail do Amigo:
A sua Mensagem:
Código de Segurança:
Confirme o Código de Segurança.
Por favor insira os 6 caractéres que estão presentes na imagem.
A inserção dos caractéres é sensível a maiúsculas e minúsculas (case sensitivity).

EDITORIAL

A Europa lá e nós por cá!

Luís Freire       Editorial

OPINIÃO

Achegas para a história do Ferro

Carlos Madaleno
Editorial

 


Anúncios Imobiliários
 

Herdade


Herdade

Para: Venda
Castelo Branco, Castelo Branco

Consultar

Apartamento T1


Apartamento T1

Para: Venda
, Covilhã

Consultar

Moradia


Moradia

Para: Venda
Praia de Mira, Mira

Consultar

Moradia Geminada T3+1


Moradia Geminada T3+1

Para: Venda
Buarcos e São Julião, Figueira da Foz

Consultar

NC TV
 


Inquérito   Inquérito


Jornal Notícias da Covilhã Jornal Notícias da Covilhã - O semanário mais antigo do Distrito de Castelo Branco Jornal Notícias da Covilhã - O semanário mais antigo do Distrito de Castelo Branco, expertmedia, xmedia